BOLÍVIA E IPIRANGA: SERÁ UMA REVANCHE?

Ipiranga e Bolívia se enfrentam pela terceira vez nestes últimos 02 anos. Torcedores do Ipiranga estão chamando a partida de “O Clássico da Paz”. Espera-se que os torcedores do Bolívia abracem esta idéia.  A peleja irá acontecer neste domingo (27), ás 16h00min, no estádio Antônio Sereia. O confronto das duas  melhores equipes da competição. Um grande público é esperado.

Em 2016, o Amarelo e Preto da Vila Operária venceu na final do campeonato e papou o título após um bom período em jejum.

Este ano mais um confronto. Desta vez em disputa a primeira posição no grupo A. Mais um triunfo. Uma a zero foi o placar. Um gude preso com se diz no futebolês. Um placar mínimo, mas o suficiente para maximizar a rivalidade entre as duas agremiações. Labaredas para todos os lados e ameaça de reverter à situação em outro provável confronto, já imaginado pelos diretores do Azul e Branco do Bairro da Bolívia. Por ironia do destino e força do regulamento, o terceiro confronto acontece logo mais , às 16 horas no Estádio Antônio Sereia.

Alguns diretores do Bolívia, prematuramente já anunciam a ”vingança”. Confiam na força do seu elenco e prometem reverter à situação.  Já o Time da Vila Operária, convicto da força do adversário preferem o silêncio e deixam o oba oba por conta dos seus torcedores.

O que será que está reservado para este reencontro? Considerado por muitos como uma final antecipada. Prognóstico difícil. Ambas as equipes têm as mesmas possibilidades de triunfo.

Bolívia e Ipiranga  garantiram suas classificações vencendo os mesmos adversários, entretanto, percorreram os caminhos com diferentes estratégias de jogo.

Joseph Guardiola, disse que só existe um segredo no mundo do futebol: ou tenho a bola ou não tenho, disse ele. Serve para ilustrar a maneira de jogar de Bolívia e Ipiranga.

O Azul e Branco sempre quer a Bola. O Amarelo e Preto da Vila Operária, nem sempre. Alterna a posse da bola e recorre ao expediente do contra ataque rápido. Ambas as equipes tiveram desfalques em suas últimas partidas, fato que não deverá ocorrer na peleja deste domingo.

Por estas e por outras razões, leva-me a crê que será uma partida muito tática, sobretudo, por tratar-se de dois elencos com jogadores experientes e inteligentes. O diferencial competitivo poderá ser o condicionamento físico. Esta é a minha opinião, segue o jogo…


Comente