BOLÍVIA VENCE GANDU COM SABOR DE GOLEADA!

 

Bolívia e Gandu realizaram neste domingo (13) no estádio Antônio Sereia, em Valença-Bahia  uma partida válida pela primeira etapa da semifinal.   O clima do lado do Bolívia estava muito tenso  por conta da derrota para o Ipiranga. O tropeço seria  o adeus ao campeonato.

Com a volta de Zé Carijé ao comando do time, ausência de Kaká, mas com o retorno do  velocista Igor Tanquinho conseguiu vencer a partida de virada por 3 a 1.

A equipe boliviana sofreu um gol ainda no primeiro tempo em um contra ataque. O atacante Júnior  recebeu um bom passe de Ricardo e deu um chute certeiro no canto do goleiro Marcio Greik, aos 06 minutos.  Logo em seguida o Bolívia  empatou a partida, após o árbitro Leonardo bem posicionado, marcar uma penalidade máxima bem  cobrada por Fábio.  No final do primeiro tempo, aos 42 minutos PIthaco virou  o jogo ao receber um passe de Igor Tanquinho.

Na volta do intervalo o treinador Zé Carijé fez uma alteração na postura defensiva de sua equipe, corrigindo assim alguns deslizes da primeira etapa. Essa mudança equilibrou sua equipe e neutralizou as manobras  ofensivas do adversário e melhorou o time azul e branco ofensivamente.  Em uma das várias investidas conseguiu marcar mais um gol através  de Fábio. Final do jogo Bolívia 3 x 1 Gandu.

Ficha Técnica. Bolívia 3 x 1 Gandu.

BOLÍVIA.

Márcio Greick; Galego (Washingthon), Dedéo, João Carijé e Rodolfo; Gilmar, Fábio , Draid e Pithaco (Wilian); Othon e Igor Tanquinho. Técnico. João Carijé,

GANDU.

Everton; Colina, Alex, Danilão e Giovani; Dieguinho, Júnior, Adnoel (João Paulo) e Ricardo; Júnior Taba e Fabinho. Técnico. Samuel

CARTÕES AMARELOS.

Alex (Gandu)  e Othon (Bolívia).

CARTÕES VERMELHOS.

Colina (Gandu).

ARBITRAGEM.

Árbitro Central. Leonardo  Meneses . Auxiliares. Lenilson Canela e Jucimar Paraíso.

 

 

Público. 294

Renda. R$ 2.425, 80


Comente