BRASIL CONVOCA JUDOS PARA O GP DA CHINA.

A seleção brasileira de judô disputará no período de 25 a 27 de maio o Grand Prix de Hohhot, na China, etapa do Circuito da FIJ que distribui até 700 pontos no Ranking Mundial e será decisivo para a formação da equipe brasileira para o Mundial de Baku.

Nessa competição, o Brasil contará com seus principais atletas nas 14 categorias de peso, entre eles a campeã olímpica Rafaela Silva, que estreará em 2018.

A peso leve passou por cirurgia no cotovelo esquerdo em janeiro, recuperou-se nos últimos meses e está pronta para retornar aos tatames exatamente na competição que marca o início da classificação olímpica para 2020.

Além de Rafaela, a equipe feminina terá Sarah Menezes (48kg), Gabriela Chibana (48kg), Erika Miranda (52kg), Ketleyn Quadros (63kg), Maria Portela (70kg), Mayra Aguiar (78kg), Samanta Soares (78kg) e Maria Suelen Altheman (+78kg).

No masculino, o Brasil vai contar com Eric Takabatake (60kg), Phelipe Pelim (60kg), Charles Chibana (66kg), Marcelo Contini (73kg), Eduardo Barbosa (73kg), Victor Penalber (81kg), Eduardo Bettoni (90kg), Rafael Buzacarini (100kg), Rafael Silva (+100kg) e David Moura (+100kg).

A comissão técnica será formada por Ney Wilson Pereira, chefe de delegação; pelos técnicos Mario Tsutsui e Yuko Fujii; pelo fisioterapeuta Gabriel Bogalho e o oficial Bernardo Seabra.

Fonte: Encimadolance


Comente