A Fifa anunciou na tarde desta quarta-feira o nome do árbitro que vai apitar a partida decisiva das quartas de final entre Brasil e Bélgica, em Kazan. É o sérvio Mirolad Mazic, que trabalhou na final da Liga dos Campeões da última temporada, quando o Real Madrid venceu o Liverpool por 3 a 1, em Kiev, na Ucrânia. Mirolad Mazic, que tem 45 anos, terá como assistentes os compatriotas Milovan Ristic e Dali Djurdjevic. O americano Jair Marrufo será o quarto árbitro.

Na atual Copa do Mundo, Mirolad Mazic dirigiu duas partidas: a vitória da Colômbia sobre o Senegal, por 1 a 0, e a do México sobre a Coréia do Sul, por 2 a 1. Na última Liga dos Campeões, ele também esteve presente em importantes jogos além da final. Mirolad Mazic também apitou Roma x Atlético de Madrid e Juventus x Barcelona, entre outros importantes  jogos.


Brasil e Bélgica vão se enfrentar pelas quartas de final da Copa do Mundo na sexta-feira, às 15h (de Brasília), na Arena Kazan. Enquanto a Seleção Brasileira garantiu a classificação ao vencer o México com certa facilidade, por 2 a 0, a equipe belga sofreu para superar o Japão por 3 a 2, de virada, com gol de Chadli em jogada de contra-ataque no último lance. A previsão é que o duelo seja equilibrado, sobretudo pela qualidade individual de craques como Neymar, Philippe Coutinho, Hazard e Lukaku. Mas e nos números, qual equipe está melhor?

O Brasil participou da primeira fase pelo Grupo E, que contava com Suíça (classificada na segunda posição), Sérvia e Costa Rica. O único jogo em que o time comandado pelo técnico Tite não conseguiu vencer foi contra os suíços, pela rodada de abertura: 1 a 1. Nas partidas seguintes (incluindo as oitavas de final), a Seleção Brasileira ganhou pelo mesmo placar: 2 a 0. O jogadores que mais se destacaram foram Neymar e Coutinho, artilheiros do time no Mundial, com dois gols cada. O atacante do PSG também tem dois passes para gol e é o jogador que mais sofreu faltas na Copa (23). Casemiro é outro que está entre os destaques: o volante é líder de passes certos (218) e desarmes (14, com 11 certos e 3 errados), mas não entrará em campo na próxima sexta-feira por causa de suspensão.

Na Seleção da Bélgica que liderou o Grupo G da Copa, com nove pontos (100% de aproveitamento), os principais jogadores foram o atacante Lukaku e o meia Hazard. O primeiro, com quatro gols, é um dos vice-artilheiros da Copa do Mundo – atrás apenas do inglês Harry Kane, que marcou cinco. Hazard, por sua vez, lidera os quesitos de finalização (11), assistências (2) e faltas sofridas no time (13). Além disso, a Bélgica possui o ataque mais positivo do Mundial, com 12 gols feitos. Porém, a defesa não tem sido tanto efetiva: foi vazada diante de Tunísia (5 a 2) e Japão (3 a 2).

 

Fonte: Footstats


A Bélgica mostrou porque tem uma equipe que é considerada uma das favoritas para ganhar o título da Copa do Mundo e garantiu a vaga para as quartas de final com um gol assinalado no último lance da partida. O time belga saiu perdendo por 2 a 0, mas conseguiu a virada, jogando com muita raça e derrotou o Japão por 3 a 2 na tarde desta segunda-feira. Jan Vertonghen, Marouane Fellaini e Nacer Chadli fizeram os gols da classificação belga. Genki Haraguchi e Takashi Inui fizeram os tentos da equipe nipônica em Rostov. O Japão marcou os seus gols aos 3 e 7 minutos do segundo tempo. A Bélgica empatou aos 25 e 28. O gol da vitória só saiu aos 49 minutos. Todos os gols foram marcados no segundo tempo.

Com o resultado, a seleção européia vai jogar com o Brasil nas quartas de final do Mundial da Rússia. O jogo com a Seleção Brasileira será realizado na sexta-feira, às 15 horas (de Brasília), em Kazan. Os japoneses voltam para a casa, após quase conseguirem a sua primeira classificação na história das Copas do Mundo para a fase de quartas de final.


O Brasil garantiu a classificação para as quartas de final da Copa do Mundo da Rússia na tarde desta segunda-feira. Autor de um gol e uma assistência em Samara, o atacante Neymar foi destaque na vitória por 2 a 0, ao lado de William, do time comandado por Tite sobre o México.

O Brasil teve relativo trabalho nos primeiros minutos, mas conseguiu dominar a partida ainda no primeiro tempo. Na segunda etapa,  Neymar fez o primeiro gol, aos 6 minutos, após um passe de Willian, um dos melhores em campo. Nos minutos finais,já nos descontos, Neymar cruzou para Firmino definir o placar.

Sem Casemiro, (suspenso por dois cartões amarelos) o Brasil volta a campo às 15 horas (de Brasília) da próxima sexta-feira para disputar uma vaga na semifinal contra o ganhador do jogo entre Bélgica e Japão, em Rostov. As duas seleções disputam a outra vaga na próxima fase às 15 horas desta segunda, em Kazan.


Croácia e Dinamarca fizeram um jogo bastante disputado e empataram durante os 120 minutos em 1 a 1. Assim como aconteceu com a partida entre Espanha e Rússia, a disputa da vaga para as quartas de final foi decidida nas cobranças de pênaltis.

Nos três primeiros minutos de jogo, as redes foram balançadas. Jorgensen abriu o marcador para a Dinamarca e Mandzukic empatou logo em seguida.

A Croácia teve a oportunidade de garantir a vaga, aos 10 minutos do segundo tempo da prorrogação. Mas o craque Luka Modric, desperdiçou a cobrança de penalidade.

Na disputa final, o goleiro Subacic brilhou e defendeu as cobranças de Eriksen, Schone e Jorgensen. Schmeichel, que havia defendido uma cobrança na prorrogação, pegou as cobranças de Badelj e Pivaric.

Na última cobrança,  Rakitic converteu a cobrança e garantiu a vaga para os croatas, que irão enfrentar os Russos nas quartas de final.


A Copa do Mundo começou com um jogo emociante na manhã deste domingo entre Espanha e Rússia no estádio Lujniki, em Moscou. Após um empate por 1 a 1 no tempo normal e, também, na prorrogação, a definição foi para a cobrança de pênaltis, onde o time da casa se deu melhor graças ao seu goleiro Ankinfeev, que conseguiu defender duas cobranças e garantiu a Rússia nas quartas de final da Copa do Mundo.

Logo no começo da partida, o zagueiro Ignashevich marcava Sérgio Ramos num cruzamento para a área e acabou fazendo um gol contra. Ainda no primeiro tempo, Piqué acabou bateu a mão na bola dentro da área. A arbitragem assinalou o pênalti e Dzyuba empatou a partida, resultado que persistiu até o final dos 120 minutos.

Nos pênaltis, todos os cobradores russos acertaram, enquanto os meias Koke e Thiago Aspas acabaram perdendo as suas penalidades, garantindo a classificação russa para a próxima etapa. Com a classificação assegurada, a expectativa agora é para a partida desta tarde, quando Croácia e Dinamarca jogam para saber quem avança para as quartas de final da competição.


Edinson Cavani ofuscou Cristiano Ronaldo neste sábado, no Estádio Olímpico de Fisht, em Sochi. Foram do companheiro de Neymar no Paris Saint-Germain os dois gols do Uruguai na vitória por 2 a 1 sobre Portugal, nas oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia. O brasileiro Pepe, de cabeça, anotou para a seleção eliminada.

O primeiro gol de Cavani saiu logo aos seis minutos, aproveitando um cruzamento do outro astro do seu país, Luis Suárez. No segundo tempo, Portugal ganhou sobrevida com Pepe, porém o atacante adversário voltou a fazer a diferença com uma finalização de primeira. Depois, acusou uma contusão muscular e precisou ser substituído por Stuani.

Torcendo pela rápida recuperação de Cavani, o Uruguai voltará a campo às 11 horas (de Brasília) de sexta-feira, em Níjni Novgorod, buscando uma vaga nas semifinais do Mundial. A adversária será a França, que, mais cedo, superou a Argentina com um triunfo por 4 a 3 em Kazan.