Após os jogos desta quarta-feira (13/06), confira os resultados e como ficou a classificação do Campeonato Brasileiro da Série A:

RESULTADOS:

12ª Rodada

América-MG 0 x 0 Chapecoense

Fluminense 0 x 1 Santos

Paraná 1 x 1 Cruzeiro

Sport 0 x 0 Grêmio

Botafogo 2 x 0 Atlético-PR

Palmeiras 1 x 1 Flamengo

Atlético-MG 2 x Ceará

Bahia 1 x 0 Corinthians

Internacional 3 x 1 Vasco

 

        CAMPEONATO BRASILEIRO DE FUTEBOL – SÉRIE A

 

CLASSIFICAÇÃO  P        J       V      E     D      GP   GC    SG       %  
Flamengo  27  12  8  3  1  21      7  14  75.0
Atlético-MG  23  12  7  2  3  24    17    7  63.9
São Paulo  23  12  6  5  1  18    11    7  63.9
Internacional  22  12  6  4  2  15      8    7  61.1
Grêmio  20  12  5  5  2  11      5    6  55.6
Palmeiras  19  12  5  4  3  18    11    7  52.8
Sport  19  12  5  4  3  15    15    0  52.8
Cruzeiro  18  12  5  3  4    8      7    1  50.0
Botafogo  17  12  4  5  3  16    14    2  47.2
10º Corinthians  16  12  4  4  4  12      9    3  44.4
11º Vasco  15  11  4  3  4  17    18   -1  45.5
12º Fluminense  14  12  4  2  6  14    17   -3  38.9
13º América-MG  14  12  4  2  6  14    18   -4  38.9
14º Chapecoense  14  12  3  5  4  14    19   -5  38.9
15º Santos  13  11  4  1  6  14    16   -2  39.4
16º Vitória  12  12  3  3  6  16    23   -7  33.3
17º Bahia  12  12  3  3  6  10    17   -7  33.3
18º Paraná  10  12  2  4  6    7    16   -9  27.8
19º Atlético-PR   9  12  2  3  7  10    15   -5  25.0
20º Ceará   5  12  0  5  7    7    18 -11  13.9

P pontos – J jogos – V vitórias – E empates – D derrotas – GP gols pró – GC gols contra – SG saldo de gols – % aproveitamento

 

Em caso de igualdade na pontuação, são critérios de desempate: 1) mais vitórias, 2) melhor saldo de gols, 3) mais gols pró, 4) confronto direto, 5) menos cartões vermelhos, 6) menos cartões amarelos, 7) sorteio

 

 

PRÓXIMOS JOGOS

13ª Rodada

 – 18/07/2018 (quarta-feira)

19:30h Ceará – CE x Sport – PE (Castelão – Fortaleza – CE)

21:00h Vitória – BA x Paraná – PR (Manoel Barradas – Salvador – BA)

21:45h Flamengo – RJ x São Paulo – SP (Maracanã – Rio de Janeiro – RJ)

21:45h Corinthians – SP x Botafogo – RJ (Arena Corinthians – São Paulo – SP)

21:45h Grêmio – RS x Atlético – MG (Arena do Grêmio – Porto Alegre – RS)

 

 – 19/07/2018 (quinta-feira)

19:30h Chapecoense – SC x Bahia – BA (Arena Condá – Chapeco – SC)

19:30h Cruzeiro – MG x América – MG (Mineirão – Belo Horizonte – MG)

20:00h Vasco da Gama – RJ x Fluminense – RJ (São Januário – Rio de Janeiro – RJ)

20:00h Santos – SP x Palmeiras – SP (Pacaembu – São Paulo – SP)

21:00h Atlético – PR x Internacional – RS (Arena da Baixada – Curitiba – PR)


 

O Palmeiras terá até meados de julho para acertar os problemas que fizeram o time oscilar nesta primeira parte do Brasileirão e mostrar que todo o investimento feito no elenco pode se transformar em briga pelo título. Enquanto rola a Copa do Mundo , será um mês crucial para o futuro do Palmeiras , que mostrou nesta quarta, no empate por 1 a 1 com o líder Flamengo , que precisa de mais para poder estar entre os primeiros do Nacional.

Como em outras partidas recentes, o Palmeiras oscilou. Começou bem, marcou logo aos 5 minutos com Willian , mas perdeu ritmo e intensidade ainda no primeiro tempo. Depois do intervalo, teve chances claras de ampliar o placar, todas desperdiçadas. E o preço foi o empate flamenguista: numa bola parada, num erro de marcação, Thuler subiu mais que a zaga alviverde para igualar o placar e manter os cariocas a uma distância confortável do vice-líder São Paulo na tabela.


Enquanto dirigentes se reuniam para tratar sobre a venda de Rodrygo, o Santos tentava, em campo, vencer o Fluminense no Maracanã para ao menos amenizar a crise instaurada no clube. O problema é que sem a jovem promessa, o que já estava difícil ficou ainda mais complicado. O pragmatismo e a falta de criatividade voltaram a assolar o Santos no último compromisso antes da pausa para a Copa do Mundo.

Mas se por um lado o Peixe está prestes a perder umas de suas promessas e o desempenho do time está longe de honrar seu dito DNA, a partida dessa quarta-feira serviu para resgatar uma das grandes apostas do elenco santista: Bruno Henrique. Enfim, o atacante voltou a iniciar um jogo como titular depois de sofrer com duas lesões sérias, e foi justamente dele o gol da vitória por 1 a 0, marcado já aos 40 minutos do segundo tempo. Jair Ventura, que nem assim deixa de correr risco de demissão, extravasou à beira do campo, Bruno Henrique chorou, e a noite, que parecia desastrosa, terminou com sentimento de alívio.


O Internacional segue embalado no Campeonato Brasileiro. Em partida disputada na noite desta quarta-feira, no Beira-Rio, a equipe gaúcha derrotou o Vasco por 3 a 1 e assumiu a quarta colocação com 22 pontos ganhos. O Vasco segue com 15 pontos ganhos e ocupa a 11ª posição na tabela de classificação. Os gols foram marcados por Nico López, Patrick e Victor Cuesta para o Colorado, descontando Andrey para o Vasco.

A vitória foi merecida porque o Internacional foi sempre mais objetivo do que o adversário. E procurou o gol desde os primeiros minutos do jogo, ao contrário do seu adversário. O Vasco entrou em campo com uma formação muito defensiva e só tentou mudar a forma de jogar quando estava perdendo por dois gols de diferença.