A seleção feminina de vôlei do Brasil perdeu outra vez para os Estados Unidos em amistoso preparatório para o Campeonato Mundial de Vôlei Feminino, no Japão.

As norte-americanas venceram com facilidade por 3 sets a 0, com parciais de 29/27, 25/23 e 25/18. As brasileiras já tinham perdido para os EUA em outra partida disputada no último domingo.

As duas seleções voltam a se enfrentar, novamente em partida amistosa, nesta quinta-feira, às 20 horas.


A Seleção Brasileira de vôlei começou de forma decepcionante a sua preparação para o Mundial. Jogando uma partida amistosa contra os Estados Unidos, no ginásio Nilson Nelson, em Brasília, a equipe do técnico José Roberto Guimarães não jogou bem e perdeu por 3 sets a 1, parciais 25/19, 25/18, 26/28 e 25/16. As duas equipes se enfrentarão mais três vezes buscando ganhar ritmo para a competição.

O técnico brasileiro tentou dar mais experiência  às jogadoras, como  Rosamaria, Dani Lins e Thaís, as duas últimas por não disputarem a Liga das Nações. Dentre as ausentes es estavam  Suellen, Fernanda Garay e Natália, já que as três atletas ainda procuram voltar à melhor forma e não foram escaladas por Zé Roberto Guimarães na partida deste domingo.


BRIDGEVIEW, IL – AUGUST 02: (L-R) Megan Rapinoe #15, Tobin Heath #17, Rose Lavelle #16 and Alex Morgan #13 of the United States celebrate Lavells goal against Brazil during the 2018 Tournament Of Nations at Toyota Park on August 2, 2018 in Bridgeview, Illinois. Jonathan Daniel/Getty Images/AFP

Pelo terceiro e último confronto do Torneio das Nações, Estados Unidos e Brasil entraram em campo na noite desta quinta-feira, valendo o título da competição.

O confronto teve um primeiro tempo bastante acirrado, mas terminou com uma goleada norte-americana no Toyota Park, em Bridgeview. De virada, Marta e companhia sofreram uma goleada por 4 a 1.


A judoca Bruna Lacerda Andrade, valenciana, brilhou ao conquistar  uma medalha de ouro na modalidade esportiva, Judô.

Lacerda segue fazendo história no cenário esportivo. Aos 16 anos de idade participou da Copa de Judô 2018, em Aracaju, capital sergipana no último domingo (28). A judoca enfrentou atletas experientes, entretanto, mostrou serviço e conquistou mais uma medalha de ouro para a sua galeria.

A jovem atleta é estudante, evangélica e apaixonada pelo esporte. Incentivada pelos seus pais, pratica esta modalidade esportiva desde cedo.

Feliz com a conquista ela agradeceu o apoio da Gestão Municipal, através da Secretaria de Esportes e ressaltou ter sido muito importante o seu triunfo.

O Secretário de Esportes, Ademilton Ferreira parabenizou a atleta e seus familiares e reafirmou o desejo de apoiar as diversas modalidades esportivas, que no seu entendimento cresce a cada dia. Para isto já conta com o total apoio do Prefeito Ricardo Moura.

Fonte: Secretaria de Esporte e Lazer


Sob a batuta de Charles Miller, um jovem incentivador e treinador de futebol feminino, o Real PC Morro de São Paulo participou de um torneio intermunicipal em Paulo Afonso na semana próxima passada, precisamente de 27 a 29 de julho 2018.

O evento denominado Circuito Baiano de Futsal Feminino contou com a participação de 32 equipes de diversas localidades,

Classificação final.

Campeã . AABB de Paulo Afonso;

Vice Campeã. Veteranas de Riachão do Pombal;

3º Lugar. Paulista Paulo Afonso;

4º Lugar. Estrela Altos de Serrinha;

5º Lugar. Real PC Morro de São Paulo;

Fonte: Charles Miller


Um dos principais nomes do judô do Brasil, Rafaela Silva não teve o desempenho esperado no Grand Prix de Zagreb, na Croácia.

A brasileira foi derrotada na disputa pela medalha de bronze e acabou tendo de se contentar com o quinto lugar da competição. Mesmo assim, foi a atleta que chegou mais longe entre os cinco judocas que representaram o país na sexta-feira. Gabriela Chibana, Kamila Silva, Raphael Miaque e Diego Santos também estiveram no tatame, mas foram eliminados.


O mês de setembro está chegando e promete ser de fortes emoções para os amantes da velocidade na Bahia, com a realização do Rally do Sisal 2018, na cidade de Valente, conhecida como capital brasileira do sisal, situada no nordeste do estado, distante 238 Km de Salvador.

A competição será recheada de atrações, como a etapa do Campeonato Brasileiro de Rally 4×4, a prova local e a segunda etapa do Campeonato Baiano de Rally de Regularidade. O evento acontece desde 2002 e procura valorizar o comércio e turismo da região sisaleira.

A disputa será realizada no circuito do SR2 Rally Park e deveremos ter uma prova rápida, exigindo bastante dos pilotos que virão de várias partes do Brasil, uma vez que a pista tem muita areia e pedras.

A estrutura da prova é toda montada no próprio SR2 Rally Park, maior parque voltado ao segmento no país, localizado a 6 Km de Valente, no KM 397, às margens da Rodovia BA 120.

A prova local é destinada a pilotos da região ou com pouca experiência.

A 2a etapa do Campeonato Baiano de Rally de Regularidade fará parte da prova e passará, não só por Valente, como também, por outras cidades da região, com alto grau de dificuldade para os competidores nas categorias Graduado 4×4, Turismo 4×4, Expedition 4×4 e Universitário 4×2, uma vez que eles demonstrarão toda sua perícia ao passarem pelos mais variados tipos de terreno.

O evento acontece nos dias 7, 8 e 9 de setembro sendo considerado um dos principais na modalidade no país.