TEOLÂNDIA, MERECIDAMENTE O CAMPEÃO!
 A final do Campeonato de Futebol Master promovida pela Associação dos Veteranos da Urbis (ADVU), aconteceu domingo (15), e foi marcada pela forte chuva que deixou o gramado muito encharcado e com isso as duas equipes não conseguiram desempenhar um bom futebol. O jogo acabou sendo nivelado por baixo tecnicamente, muito por conta das condições do gramado e também pelo fato dos atletas estarem utilizando chuteiras com solados inadequados para aquela situação.

Doze equipes divididas em dois grupos diferentes disputaram 35 jogos, distribuídos em oito rodadas (08). A decisão ficou por conta das equipes Teolândia e ADVU.

ADVU, MERECIDAMENTE VICE-CAMPEÃ!

O jogo:

Apesar das dificuldades de fazer a bola rolar no gramado, foi uma partida que propiciou muita emoção ao grande público presente.

As duas equipes alternaram a posse da bola. Propostas de jogo diferentes, a equipe de Teolândia melhor tecnicamente e mais organizada em campo tentava impor sua maneira de jogar, mas era barrada pela disposição da equipe da ADVU, que se utilizava do expediente da bola longa e poucas trocas de passes, entretanto, conseguiu criar situações de gol que foram barradas pelo bom goleiro da equipe adversária e ás vezes tropeçou em suas limitações técnicas.

Ao final do tempo regulamentar a equipe Amarela e Preta esteve perto de definir o título, ao agredir o seu oponente no seu próprio campo  sem sucesso. Sem mexer no placar, a decisão foi levada para a disputa de pênaltis e prevaleceu a competência da equipe de Teolândia que venceu por 4 a 3 e conseguiu o título em sua primeira participação nesta competição.

 

Ressaltamos a participação da arbitragem. Um trio da cidade de Cairu. Nininho, árbitro central, contou com apoio dos assistentes Adolfo e Ubiratan que realizaram um bom trabalho. Foram vistos no gramado graças às cores dos uniformes (cor branca). Ou seja, foram excelentes mediadores , deixando o espetáculo por conta dos atletas e torcida.

 A presença do público que se não pode assistir um jogo de um bom nível técnico,  dada as condições do gramado, vibraram com as chances de gols criadas pelas duas equipes.
AYITON. ZEZINHO E SAMUEL
A presença da turma da Rádio Pirata (Airton Lira, Zezinho e Samuel) que animou os presentes e valorizou o evento.
Outros destaques: a presença do poder público. O prefeito Ricardo Moura mais uma vez esteve presente,Ademilton Ferreira, diretor de esportes, vereadores, secretários, a polícia militar, a secretaria de saúde através das presenças da ambulância e os seus profissionais.
Prefeito Ricardo Moura concede entrevista ao repórter Fábrício Lemos.

Além dos troféus (campeão troféu Genivaldo dos Santos, vice campeão José Carlos do Rosário, perninha),  medalhas  e uma bonificação de R$ 2.500,00 (Dois mil e quinhentos) para o campeão e R$ 1.500,00 (Hum mil e quinhentos reais), o vice campeão.

Fonte: www.nomundodabola.com


Torcida do Botafogo vibrou com o seu time, apesar da derrota.

Mais uma rodada espetacular no Clube do Roldão no último sábado (25). Duas partidas que encheram os olhos daqueles que estiveram presentes naquele equipamento de esportes e lazer.

Na primeira parte da tarde a equipe Veste Bem venceu o Botafogo por 3 a 1. No primeiro tempo a equipe de Dos Côcos ocupou o território adversário, foi dona da bola e do jogo. Abriu uma boa frente no placar, parecia prenúncio de goleada. Entretanto, no segundo tempo o treinador Amaral, ajustou sua equipe e conseguiu evitar o pior, chegando inclusive a criar algumas oportunidades de gols. Final do Jogo: Veste Bem 3 x 1 Botafogo.

VESTE BEM

 

BOTAFOGO

Ao sair de campo o atleta Jeferson, lateral da equipe Branca e Preta soltou o verbo. Pelo lado da equipe Veste Bem, Carlito era só alegria

Na segunda partida em campo duas equipes que fizeram um jogo com muita velocidade e intensidade.  Mengo e Manos foram  eletrizantes e proporcionaram mais uma boa partida. Logo no início do primeiro tempo uma penalidade máxima em favor da equipe dos Manos,  Doriva bateu e o bom goleiro Fábio fez uma espetacular defesa. Muitas figuras carimbadas em campo, mas a  partida terminou empatada em 1 tento a 1.

MENGO.
MANOS

 

Benedito Passos, observa a paisagem.
Gerval, o repórter dinâmico da Rádio Pirata.

Carlinhos orienta o árbitro antes da partida.
Amena, o faz tudo do Botafogo.
Saulo e Djalma uma dupla da melhor qualidade!

Próximo sábado a bola volta rolar entram em campo: Rabugentos x Mengo.


Um sábado (18) festivo, muita alegria no Clube Cultural e Recreativo Roldão. Havia um motivo que estava estampado na fisionomia de cada sócio. O retorno do Campeonato de Futebol, após hiato espera de mais de  01 ano.

Após a solenidade de abertura com o desfile das equipes e a entoação do Hino Nacional do Brasil, a bola rolou. Em campo abrindo as cortinas do espetáculo, Rabugentos em busca do seu bi campeonato enfrentou a turma dos Ratos de Praia.

O JOGO:

A equipe Ratos de Praia que contava com o bom goleiro Danilo, ainda profissional de futebol, iniciou o jogo apertando a equipe de Ayrton Lira que conseguiu se segurar durante todo o primeiro tempo. Na volta ao segundo tempo, a partida ficou equilibrada. Quando tudo nos levava a acreditar em um empate sem gols, uma bela trama ofensiva culminou com um belo gol do volante defensivo Samuel. Placar final. Rabugentos 1 x 0 Ratos de Praia.

Na segunda partida da tarde, a equipe dos Aranhas  e Cassi Turismo não mexeram no placar.

EQUIPE DOS ARANHAS
CASSI TURISMO

O JOGO:

Sob o comando de Friudes, a equipe dos Aranhas não conseguiu aproveitar uma situação que aparentemente lhe parecia favorável.  A equipe Cassi Motor com apenas 7 (sete) jogadores, o mínimo exigido pelo regulamento, conseguiu segurar  o adversário  durante o primeiro tempo e parte do segundo período , quando o árbitro encerrou a partida pelo fato da Cassi não ter o mínimo de jogadores em campo, e saiu  no lucro com o resultado final. Cassi Turismo 0 x 0 Aranhas.

É necessário ressaltar a presença da Turma da Rádio Pirata que mais uma vez e de maneira brilhante animou a grande tarde esportiva.

Rádio Pirata: Valder e Zezinho Narradores, Augusto árbitro de vídeo, Gerval repórter de pista e Jorge Couto comentarista convidado. Após as duas partidas, muita cerveja, churrasco e um show musical.

 


Por dentro do evento…

São várias as competições de MTB e elas continuam crescendo… Mas o SUBA 100 é um challenger, ou seja, um desafio. E um desafio que fica a poucos quilômetros de nossa região, e no estado da Bahia. É importantes prestigiar!! E por isso vai muito gente e as vezes em caravana para Sta Terezinha. Este ano foram 1.500 atletas, um número surpreendente com uma mega estrutura para comportar o evento, na cidade que já é considerada a capital dos esportes radicais.

É lá também que fica o primeiro bike parque da Bahia, com ladeiras míticas como a Rolling Stones e a subida do voo livre! Em algumas destas é possível pra se perguntar como um ser humano normal consegue subir aquilo??? Foi um mar de gente empurrando bicicleta ladeira acima…

E não é só por isso, o sol rachando a cuca e o ponto de corte são elementos que aumentam a pressão, inclusive psicológica, em cima do competidor. Para se ter uma ideia, até o horário que checamos foram mais de 500 ciclistas desclassificados!! Pelo menos duas vezes vimos a ambulância trazendo ciclista para atendimento médico às pressas e na abertura conhecemos um ciclista que voltava a competição, pois quebrou braço e clavícula anos atrás no Suba.

E aí, ai encarar?

Apenas a medalha de conclusão (finisher), nesse contexto, já é uma grande conquista! Imagine fazer isso na categoria Master ou dinossauro, com competidores acima dos 40, 50 e até 60 anos!! É muita gente buscando superação e muito menos gente buscando pódio… Cada um com sua história e objetivos mas todos buscando a linha de chegada, independente do tempo… Teve competidor que saiu as 8h da manhã e chegou depois das 18h, um esforço de mais de 10h, sabendo que no outro dia teria mais um dia inteiro de pedal!

As belas paisagens da caatinga e o retorno de investimento para a região e cidade de Santa Terezinha motivam ainda mais sua participação. Uma competição que começou com 200 participantes, e este ano teve 1.500 acabamos por ter alguns contratempos nas trilhas: como muito tráfego – até 40 minutos para cumprir trechos pequenos. Também por isso muitos questionaram os horários estabelecidos para a desclassificação do competidor. Torcemos para um suba 2020 melhor e com a mesma emoção!

Quer saber mais: http://www.suba100.com.br/

Tarcísio Botelho é ciclista karniça e Bike Anjo

https://www.facebook.com/bikeanjovalenca/


Apesar das dificuldades financeiras, o selecionado valenciano tem representado muito bem o município.

Um triunfo em casa diante de Nilo Peçanha, uma derrota para Gandu fora de casa e uma vitória sobre o líder do grupo, Teolândia. Uma campanha que anima o torcedor que a cada jogo aumenta sua presença no Sereião, como também fortalece atletas e dirigentes para seguirem firme na competição.

Em conversa com o coordenador Murilo, ele alegou a maior dificuldade tem sido a demora em assinar o convênio com a prefeitura. Liga e gestão municipal têm responsabilidades. Entretanto, não serão obstáculos para seguir em frente.

Laelson Lopes, coordenador da Intervale e Murilo, coordenador da seleção de Valença.

Já o presidente da liga valenciana, o senhor Enéas Soares, atribui suas dificuldades em encontrar documentos da entidade, principalmente o estatuto original. Por outro lado, a gestão municipal, já sinalizou boa vontade em resolver a situação e continua aguardando os documentos necessários para a tramitação legal.

Enèas Soares, presidente da Liga Valenciana de Futebol.

Por sua vez, o grupo de  atletas tem dado sua contribuição. Fez um acerto financeiro, onde recebe apenas o saldo líquido da renda. Em relação aos treinamentos segue treinando com bola nas sextas-feiras e cada qual assumiu a responsabilidade de individualmente ou em pequenos grupos, buscar o aprimoramento físico.

Ressaltamos que o treino com bola foi adiado para amanhã (13), no estádio Antônio Sereia.


 

A Seleção de Valença conquistou um triunfo valioso no estádio Antônio Sereia, neste domingo (07) impondo um placar de 4 a 1 sobre o selecionado de Teolândia, em jogo válido pela 4ª rodada da Copa Intervale.

Os comandados de Elinelson dominaram a partida, fez uma excelente apresentação diante de um bom público e mostrou que chega forte em busca do título em sua primeira participação nesta competição.

Quem abriu o placar foi o volante defensivo Isac, que inclusive saiu contundido no segundo tempo. Em seguida foi a vez de Igão. Os outros gols de Valença foram marcados por Leandro, que finalmente desencantou e Deivinho.  O selecionado teolandense diminui o placar em uma cobrança de penalidade do meio campista Neto.

Com a goleada a seleção valenciana assegurou 06 pontos, duas vitórias e uma derrota e praticamente garantiu sua vaga na próxima fase.

Destaque negativo a expulsão do meio campista Bahia, que cometeu a penalidade máxima. Destaque positivo foi a presença do idealizador e coordenador da copa, o vereador Laelson Lopes.

LAELSON LOPES, IDEALIZADOR E COORDENADOR DA COPA INTERVALE.

A partida teve o comando do bom árbitro ituberaense, Jucimar Paraíso, que apesar de ter arbitrado pela manhã na ADVU, deu conta do recado.

O selecionado valenciano agora irá enfrentar no próximo dia 21 a Seleção de Piraí do Norte no Macaxeirão, em Gandu.

MARCOS SAIU MACHUCADO.

Ficha Técnica,

Seleção de Valença.

Fábio; Lucas, Pixiquito, Dhui, Dinho e Nino Guaibim; Isac, Marcos, Igão e Jequiriçá; Leandro e John. Entraram na partida: Deivinho, Bahia e Carlinhos.

IGÃO, ESTRELA DA COMPANHIA.

Seleção de Teolândia.

Danrlei; Caio, Weslei, Givaldo e Vagner; Genivaldo, Arley, Neto e Robert; Joelder e Lucas.

Arbitragem.

Central. Jucimar Paraíso Gonçalves

Assistente 1. Florisvaldo Silva Reis

Assistente2. André Carlos Santos Santana

4º árbitro. Jorge Luiz de Lima Fonseca

Delegado. Laelson Jesus dos Santos.

Gols.

Valença: Isac, Igão, Leandro e Deivinho. Teolândia: Neto

JHUI JOGOU MUITO.
GUARDA CIVIL MUNICIPAL GARANTIU A SEGURANÇA DO EVENTO.

Público. 467

Renda: R$2.335,00


 

O treinador da Seleção de Valença, Elinelson França, reuniu o grupo de atletas nesta sexta-feira (05) para realizar a última atividade da semana.

Apenas  quinze atletas participaram das atividades. O treinador reuniu o grupo no centro do gramado para uma conversa preliminar. Depois disso, os jogadores  realizaram um aquecimento e em seguida iniciaram um trabalho técnico.

O treinador ainda ressabiado da derrota para a seleção de Gandu no domingo passado(31), por 3 a 2, disse que a equipe entrou sem foco no primeiro tempo, sentiu os desfalques,  mas conseguiu se reerguer e chegou a merecer um resultado favorável. Apesar das dificuldades para repetir um mesmo time, promete uma equipe aguerrida e  buscará fazer valer o mando de campo.

ELINELSON FRANÇA, TREINADOR DA SELEÇÃO VALENCIANA . FALTA DE ENTROSAMENTO É A SUA PREOCUPAÇÃO.

Esteve presente  no treino de hoje, o jovem atleta John(18anos), que estreou na derrota, entretanto foi premiado com um belo gol.

JOHN UMA SURPRESA NO SELECIONADO VALENCIANO.

Neste domingo  o selecionado enfrenta a líder do grupo, a seleção de Teolândia, às 15h, no estádio Antônio Sereia.

RODRIGO E NINO GUAIBIM AMIGOS AQUI, ADVERSÁRIO LÁ.

Rodrigo, goleiro e Nino Guaibim tem um desafio para este domingo.Na parte da manhã serão adversários na final da Arena Cecé e à tarde estarão juntos defendendo o selecionado valenciano.