Um público em pequeno número assistiu a Seleção de Valença neste domingo (16)  jogar contra a Seleção de Ituberá no Estádio Municipal Antônio Sereia  e viu  uma sonora goleada.  Valença venceu por 5 a 0.Os gols do selecionado valenciano foram marcados por Othon (01), Piroquinha (03) e Nino Guaibim (01).

A goleada não foi suficiente para melhorar a posição na tabela. O empate entre as Seleções de Ubaitaba e Santo Antônio de Jesus manteve as posições. Com estes resultados a Seleção de Valença permaneceu na terceira posição e garantiu sua vaga para a segunda fase.

No próximo domingo (23), a Seleção Valenciana  recebe a Seleção de Itajuípe no Sereião.


Pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro, Cruzeiro e Atlético-MG passaram longe de fazer do clássico deste domingo um dos mais marcantes da história. No Mineirão, as equipes deixaram a desejar e não saíram do zero, em empate que saiu com gosto de vitória para o lado celeste, que entrou em campo com o time reserva e conseguiu segurar os titulares do rival.

Em termos de tabela, o resultado, porém, é ruim para ambos. O time dirigido por Mano Menezes foi a 34 pontos ganhos e, na sétima colocação, continuam distantes dos primeiros colocados. Os comandados de Thiago Larghi, por sua vez, continuam na sexta posição, com 42, e perderam a oportunidade de se aproximar do primeiro pelotão.

Na próxima rodada, a Raposa enfrenta o Santos, na Vila Belmiro, enquanto o Galo volta a jogar fora de casa, desta vez contra o Flamengo, no Maracanã. Ambos os confrontos acontecem no próximo domingo, sendo o primeiro às 19h (no horário de Brasília), e o segundo um pouco mais cedo, às 16h.


O Atlético Paranaense reencontrou o caminho das vitorias após três derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro e bateu o Fluminense por 3 a 1, na Arena da Baixada, em Curitiba. Com o resultado, o Furacão chegou aos 30 pontos, na 11ª colocação. Já o Tricolor, com 31 pontos, é o nono colocado.

O Rubro-Negro abriu a contagem aos 17 minutos, com Raphael Veiga, que recebeu de Nikão e com tranquilidade mandou para o fundo da rede. Pablo, aos 46 minutos, aproveitou cruzamento rasteiro para ampliar. Depois do intervalo, Luciano descontou, aos 14 minutos. Mas Léo Pereira, aos 25 minutos, fez o terceiro dos donos da casa

Na próxima rodada, o Atlético Paranaense terá o clássico diante do lanterna Paraná Clube, domingo, na Arena da Baixada. Já o Fluminense encara a Chapecoense, segunda-feira, dia 24 de setembro, na Arena Condá, em Chapecó.


Santos e São Paulo fizeram um clássico tenso e de ataque contra defesa, na tarde deste domingo, na Vila Belmiro. Empurrado por sua torcida, o Peixe buscou mais o jogo, criou chances de gol, mas não conseguiu furar o sólido sistema defensivo do Tricolor, que segurou o empate por 0 a 0, finalizado com 12 cartões amarelos.

Com o resultado, o São Paulo chegou aos 50 pontos e assumiu provisoriamente a liderança do Campeonato Brasileiro. O time dirigido por Diego Aguirre, contudo, pode ser ultrapassado nesta segunda-feira pelo Internacional, que visita a Chapecoense. O Santos, por sua vez, permanece no oitavo lugar, com 32 pontos, dez abaixo do G6.

Pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, o São Paulo receberá o América-MG no próximo sábado, às 16 horas (de Brasília), no Morumbi. Já o Santos visitará o Cruzeiro, seu algoz na Copa do Brasil, domingo, às 19 horas, em Belo Horizonte.


O Bahia estava a um passo de quebrar o tabu de 30 anos contra o Palmeiras, mas acabou cendendo o empate em 1 a 1 neste domingo (16), na Arena Fonte Nova, em jogo válido pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Tricolor saiu na frente com Gilberto no primeiro tempo, mas Felipe Melo igualou para os visitantes na etapa final.  Com  o resultado, o time comandado pelo técnico Enderson Moreira chegou aos 29 pontos e caiu para a 14ª posição.

O próximo compromisso do Bahia é contra o Vasco da Gama, segunda-feira (24), às 20h, em São Januário, no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA
Bahia 1 x 1 Palmeiras.
Campeonato Brasileiro – 25ª rodada 

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Data: 16/09/2018
Horário: 16h
Árbitro: Héber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Henrique Neu Ribeiro e Eder Alexandre (ambos de Santa Catarina)
Adicionais: José Ricardo Vasconcellos Laranjeira e Denis da Silva Ribeiro Serafim (ambos de Alagoas)
Cartões amarelos: Elton (Bahia); Lucas Lima e Bruno Henrique (Palmeiras)
Gol: Gilberto (Bahia)

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Grolli, Lucas Fonseca e Léo; Gregore e Elton (Edson); Ramires, Élber (Marco Antônio) e Zé Rafael; Gilberto (Júnior Brumado). Técnico: Enderson Moreira.

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Luan (Antônio Carlos), Gustavo Gómez e Victor Luiz; Felipe Melo, Jean, Bruno Henrique (Dudu) e Lucas Lima; Hyoran (Willian) e Borja. Técnico: Paulo Turra.


No do dia do seu aniversário o Grêmio fez uma promoção de ingressos e levou mais de 20 mil torcedores à Arena para comemorar os 115 anos do clube neste sábado. E o Paraná, lanterna do Brasileirão, que estragou a festa. Mesmo com um time inteiramente reserva, o Grêmio não teve dificuldades para vencer por 2 a 0, com gols de Douglas, de pênalti, e Juninho Capixaba, no segundo tempo.

O resultado faz a equipe gaúcha se manter na briga pelo G4 na tabela, após duas rodadas sem vencer, e ganhar força para o jogo da próxima terça-feira contra o Tucumán, pela Taça Libertadores da América. Já o time paranaense, sem esboçar qualquer tipo de reação, começa a contagem regressiva para se disputar a série B.


O Ceará deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro na tarde deste sábado. Apoiado massivamente pela torcida que lotou a Arena Castelão, os comandados de Lisca venceram o duelo direto com o Vitória por 2 a 0.

Com gols de Calyson e Samuel Xavier, o Ceará assumiu o 15º lugar, com 27 pontos, deixando momentaneamente a zona de rebaixamento após frequentá-la desde a terceira rodada da competição. O Vitória, por sua vez, estaciona na 12ª posição, com 29 pontos, e também pode cair na tabela com os resultados de domingo.

Pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Ceará tentará se manter em ascensão diante do Grêmio, no próximo domingo, às 11 horas (de Brasília), em Porto Alegre. No mesmo dia, mas às 18 horas, o Vitória buscará se reabilitar na competição contra o Botafogo, no Barradão.