Um trabalho bem começado é meio caminho andado…

“… É preciso trabalhar muito; haverá tropeços, momentos de desânimo e eventuais quedas; será preciso superar obstáculos; é preciso ter motivação, perseverar, insistir; acreditar no que faz e em si próprio”.

O texto introdutório desta matéria reflete minhas expectativas em torno dos trabalhos do selecionado valenciano nesta árdua labuta que será a disputa do Campeonato Intermunicipal. O comando será da Liga Valenciana de Futebol mediante uma grande rede de cooperação. Prefeitura Municipal, empresários, torcedores, comissão técnica e simpatizantes.

O presidente da LVF, o professor Enéas Soares, assumiu a responsabilidade de conduzir os destinos do futebol valenciano durante os próximos quatro anos. Deu seu pontapé inicial na reorganização interna e legalização da entidade perante os entes públicos. Sem tempo no calendário para realizar o campeonato local deu apoio ao selecionado na disputa da Copa Intervale. Soares, agora, tem um grande desafio: levar o selecionado valenciano a conquista inédita da maior competição amadora da Bahia, o intermunicipal 2019. Para isto, tem trabalhado muito e precisará de muito mais… Esta é a minha opinião, segue o jogo Caro Leitor…


Comente